publicidade
publicidade
Tecnologia

Adolescentes recebem do Facebook para usar aplicativo espião 

O aplicativo de pesquisa do Facebook exigia que usuários "confiassem" nele com amplo acesso a seus dados

Publicado:


Facebook Research coletava dados de usuários (Créditos: Reprodução/Internet)
Facebook Research coletava dados de usuários (Créditos: Reprodução/Internet)

Recentemente foi descoberto que o Facebook estava coletando dados de seus usuários através de um aplicativo semelhante ao Onavo Project (adquirido pelo empresa em 2013. O aplicativo conecta o usuário a uma VPN prometendo aumentar a segurança das informações), porém, foi removido da App Store.

O novo aplicativo espião foi apelidado de “Facebook Research“, ele permite que a empresa colete dados de seus usuários, tanto em smartphones quanto na web.

+ Site promete que usuários vejam quem visitou seu perfil no Facebook

A rede social ignorou a AppStore e passou a recompensar adolescentes e adultos que baixassem o aplicativo de pesquisa e dessem acesso root ao tráfego de rede, o que é uma violação da política da Apple. Com esse recurso a rede social passava a descriptografar e analisar as atividades telefônicas dos usuários.

De acordo com o especialista em segurança de sistemas mobile, do Guardian Mobile Firewall, Will Strafach, a análise feita no Facebook Research, apontam que a rede social pode ter acesso aos dados dos usuários.

Se o Facebook fizer uso total do nível de acesso solicitado aos usuários para instalar o certificado, eles terão a capacidade de coletar continuamente os seguintes tipos de dados: mensagens privadas em aplicativos de mídia social, bate-papos em aplicativos de mensagens instantâneas – incluindo fotos e vídeos enviados para outras pessoas, e-mails, pesquisas na Web, atividade de navegação na Web e até mesmo informações de localização em andamento“, disse em entrevista a imprensa.

Não está claro exatamente com quais dados o Facebook se preocupa, mas obtém acesso quase ilimitado ao dispositivo de um usuário assim que ele instala o aplicativo.

veja também

Hidroweb Mobile | © Ícaro Chavarria/BR104
Tecnologia
ANA disponibiliza app gratuito com dados de rios e chuvas nas regiões ribeirinhas

O aplicativo disponibilizado pela ANA trás dados sobre os rios e chuvas nas regiões ribeirinhas. O download é gratuito.


Google | © Reprodução
Tecnologia
Google doa cerca de R$ 1,2 milhão às regiões afetadas pelas chuvas

O Google irá destinar o montante de 250 mil dólares, aproximadamente R$ 1,2 milhão na cotação atual, às regiões afetadas pelas chuvas.


Mensagem Twitter | © Reprodução
Tecnologia
É falso que Twitter tenha modificado cores do ícone curtir

De acordo com as informações, a nova atualização acontece após o empresário Elon Musk comprar a plataforma.


Reação em mensagens do WhatsApp | © Reprodução
Tecnologia
Reações em mensagens faz parte de nova atualização do WhatsApp

Além das reações, o aplicativo passa a permitir o envio de arquivos de até 2GB.


TikTok | © Reprodução
Tecnologia
TikTok pretende dividir receita com usuários da plataforma

A plataforma pretende dividir a receita com usuários com 100 mil inscritos ou mais.