publicidade
publicidade
Justiça

Juri absolve marchante que matou ajudante em União dos Palmares

A defesa pediu a absolvição do acusado alegando que ele cometeu o crime em legítima defesa

Publicado: | Atualizado em 23/08/2021 22:07


Hitalo Galvão - @reprodução
Hitalo Galvão - @reprodução

Dois anos depois de matar a golpes de faca o seu ajudante José Carlos dos Santos, de 38 anos, após uma discussão na feira livre do bairro Roberto Correia de Araújo, o marchante Hitalo Roberto da Silva Galvão, de 28 anos, foi absolvido durante julgamento no Tribunal do Juri, nesta segunda-feira (23/08).

Hitalo estava preso desde abril de 2019, quando o então delegado titular da 11ª Delegacia Regional de Policia Civil de União dos Palmares, Valter Nascimento, pediu sua prisão preventiva, à época, determinada pelo juiz substituto da 3ª Vara Criminal, Yulli Rotter Maia.

Sentença

“Ante a decisão tomada pelo corpo de jurados, REVOGO a prisão preventiva do acusado e determino sua imediata soltura, salvo se por outro motivo estiver preso. Expeça-se o pertinente alvará” diz a decisão do juiz Lisandro Suassuna de Oliveira, da 3ª Vara Criminal de União dos Palmares, nesta segunda-feira.

A defesa pediu a absolvição do acusado alegando que ele cometeu o crime em legítima defesa, tese que foi aceita pela maioria dos membros do Juri.

“Assim, amparado na soberana decisão do egrégio Conselho de Sentença, ABSOLVO o acusado Hítalo Roberto da Silva Galvão” foi a sentença do juiz, respeitando o que decidiu o Juri.

Hitalo Galvão, de azul, entre os policiais

Hitalo Galvão, de azul, entre os policiais

Relembre o caso

O crime aconteceu na manhã de domingo, 03 de março de 2019, quando depois de uma curta discussão Hitalo Roberto passou a desferir vários golpes contra a vítima, José Carlos dos Santos. O homem, que não falava, já estava caído ao chão, desarmado e sem apresentar qualquer perigo, e ainda assim Hitalo continuou golpeando-o com uma faca usada no corte da carne de boi.

O homicídio foi filmado por populares, e os videos que circularam nas redes sociais mostram Hitalo sujo de sangue, com a faca na mão e desferindo os golpes contra vítima, que agoniza ao chão. Toda essa brutalidade aconteceu na calçada da igreja de São Sebastião, por volta das 09h30 da manhã.

Fórum da Comarca de União dos Palmares — © Rayanne Rodrigues/BR104

Fórum da Comarca de União dos Palmares — © Rayanne Rodrigues/BR104

veja também

Supremo Tribunal Federal | © Reprodução
Justiça
STF julga inconstitucionalidade em punições da “Lei Seca”

Caso os ministros do STF considerem que estas leis são inconstitucionais, o futuro da referida Lei Seca pode estar em jogo.


Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes | © Reprodução
Justiça
18 de maio: Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Em Alagoas, o PCJE está realizando uma palestra com o tema "Combater a violência sexual é papel de todos nós".


Klever Loureiro | Reprodução
Justiça
Klever Loureiro reassume presidência do TJAL

Klever Loureiro retornou ao seu cargo de origem, assumindo a presidência do TJAL, após as eleições indiretas para o governo do Estado.


RAFA 2030 | © Reprodução
Justiça
STF lança inteligência artificial RAFA 2030

O STF, além da RAFA 2030, também conta com o robô Victor, que analisa os recursos extraordinários recebidos de todo o país.


Gilmar Mendes e Alexandre de Moraes - @Reprodução
Justiça
Alexandre de Moraes acompanha Gilmar Mendes em voto sobre eleição em Alagoas

Até a publicação desta matéria, apenas 3 ministros haviam votado.