Tecnologia

Novos cabos submarinos irá aumentar a velocidade banda larga no Brasil

Conhecido como Monet, o cabo suporta 64 terabytes divididos para as companhias de acordo com o investimento de cada uma

Publicado:


Cabo submarino aumentará a velocidade da Internet Banda Larga no Brasil (Créditos: Reprodução-Internet)
Cabo submarino aumentará a velocidade da Internet Banda Larga no Brasil (Créditos: Reprodução-Internet)

Uma nova conexão entre Brasil e os EUA está prestes a ser concluída. Um novo cabo submarino de fibra ótica com a capacidade de 40 terabytes (TB) por segundo, será o mais novo responsável pela comunicação e transmissão telefônica e de imagens em diversos pontos do Brasil e do continente europeu.

O cabo existente atualmente no Brasil responsável por esse serviço, ligando o território brasileiro a Argentina, é chamado de Atlantis 2. A capacidade de transferência de dados desse cabo é de 40 gigabytes por segundo, um número muito baixo para atender a demanda de transmissão de dados aumentada nos últimos anos, ainda mais com o avanço da tecnologia de vídeo e imagens.

+ Velocidade Banda Larga é afetada em tempos chuvosos, o que fazer?

O cabo é responsável por 99% das comunicações transoceânicas, de acordo com o livro “The Undersea Network, de Nicole Starosielski”, os cabos submarinos disponibilizam 80% de seu uso voltados principalmente para a internet. “Quando acessamos um site de outro país, que não possui um servidor aqui, são eles que fazem a transmissão“.

Cabo submarino aumentará a velocidade da Internet Banda Larga no Brasil (Créditos: Reprodução-Internet)

Cabo submarino aumentará a velocidade da Internet Banda Larga no Brasil (Créditos: Reprodução-Internet)

O cabo Monet, como foi apelidado é um resultado das parcerias entre Angola Cables, Google, Algar Telecom e Anatel. Ele sai de Praia Grande, litoral do Estado de São Paulo, passa por Fortaleza, no Ceará, e termina seu ciclo em Boca Ratón, em Miami, nos Estados Unidos.

Somando aproximadamente mais de 10 mil quilômetros de extensão sua capacidade suporta os 64 terabytes por segundo, valor dividido entre os associados de acordo com o investimento feito por cada um.

Além do Monet, há outros cabos que fazem a conexão do Brasil com o mundo.

Seabras-1: Opera desde 2017, tem capacidade de 72 Tbps e liga São Paulo a Nova York;

SACS: Liga Luanda, na Angola, a Fortaleza. Tem capacidade de 40 Tbps;

SAIL: Liga Kribi, em Camarões, a Fortaleza. Sua capacidade chega a 32 Tbps;

Tannat: Ramal do Monet com 2 mil quilômetros de extensão. Liga São Paulo a Maldonado, no Uruguai. Sua capacidade é de 90 Tbps;

Júnio: Também interligado ao Monet, liga Praia Grande ao Rio de Janeiro;

BRUSA: Liga o Brasil a Porto Rico e ao estado da Virgínia, nos Estados Unidos. Sua capacidade é de 138 Tbps.


Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

Alagoas ganhou 14 posições em relação ao ano anterior | @ Ascom Fapeal e Divulgação CLP
Tecnologia
Alagoas é 2º do Nordeste e 5º do país em número de alunos com bolsas de mestrado e doutorado

Levantamento divulgado pelo Centro de Liderança Pública mostra que 37% dos alunos de pós-graduação no estado são beneficiados com bolsas do CNPq, Capes ou FAPs


e-Título | © Reprodução
Tecnologia
Como instalar o e-Título no seu celular: Guia completo passo a passo

Seguindo esses passos, você poderá aproveitar todas as facilidades oferecidas pelo e-Título, tornando sua experiência eleitoral mais prática e moderna.


WhatsApp – © Reprodução/Internet
Tecnologia
Evite que seu seu áudio enviado no WhatsApp seja compartilhado

Esse recurso visa aumentar a privacidade das mensagens


Cartão do Bolsa Familia - @Reprodução
Economia
Bolsa Família será pago com o Drex, a nova moeda digital; entenda como será

Cerca de 5% dos beneficiários do Bolsa Família poderão utilizar essa nova tecnologia


Carteira de Trabalho digital - @Reprodução
Tecnologia
Como emitir uma Carteira de Trabalho Digital

Disponível tanto para dispositivos móveis: Android e iOS,  quanto para computadores, a CTPS Digital pode ser acessada de maneira simples e intuitiva