Policial

Filho de vereador de Viçosa é preso; Polícia investiga participação em grupo de extermínio

Lulinha foi preso por porte ilegal de arma de fogo

Publicado: | Atualizado em 25/02/2024 10:02


Lulinha e Vava Oliveira - @Reprodução
Lulinha e Vava Oliveira - @Reprodução

Sob a coordenação do Dr. Mario Jorge Marinho, delegado de Murici, Luiz de Oliveira Leite Neto, mais conhecido como Lulinha, filho do vereador Vavá Oliveira, foi preso neste sábado (24/02) por porte ilegal de arma de fogo. A prisão ocorreu na cidade de Viçosa, na Zona da Mata de Alagoas, e o detido foi encaminhado ao Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) de Murici. A polícia investiga a participação de Lulinha em um grupo de extermínio na região.

Em março de 2020, uma operação policial resultou na prisão de Vavá Oliveira, sob a acusação de liderar um grupo de extermínio em Viçosa. Junto a ele, seu filho Lulinha e outros indivíduos foram detidos, envolvidos em crimes que incluíam agiotagem e tráfico de drogas. As investigações da época, conduzidas pela 9ª Delegacia Regional de Polícia (9ª DRP), vincularam o grupo a pelo menos sete homicídios na região, praticados com a intenção de obter vantagens eleitorais, como votos e apoio político, além de intimidar testemunhas e eliminar provas.

O caso de 2020 ganhou notoriedade pela complexidade das operações criminosas e pela influência política envolvida. A defesa do vereador e dos demais acusados na época alegou falsidade das acusações, apontando para a união de inquéritos antigos e alegações baseadas em testemunhos questionáveis.

O BR104 não conseguiu contato com a defesa de Lulinha. Ele segue preso no CISP de Murici, à disposição da justiça.

Assuntos

Viçosa

Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

Policial após errar endereço - @Reprodução
Brasil
Policiais com mandado invadem casa errada e apontam arma para moradora

Em meio à confusão, os moradores questionaram os policiais sobre o nome do alvo do mandado. Ao ser revelado, rapidamente percebeu-se que se tratava de um erro de endereço.


Drogas sob a viatura - @Reprodução
Policial
Cocaína no cemitério, maconha no colchão e homem preso em União dos Palmares

Após a confissão, o suspeito foi detido e levado à Delegacia Regional de União dos Palmares para registro da ocorrência e início dos procedimentos legais cabíveis.


Neguinho da Vaquejada - @Reprodução
Policial
Neguinho da Vaquejada usou adolescente como escudo humano antes de morrer

Ele, contudo, liberou a adolescente antes de iniciar uma troca de tiros com os policiais



Psicologa morta - @Reprodução
Brasil
Filho deixa corpo da mãe na porta da casa dos pais dela

Sem chamar o SAMU ou levar a mãe a um hospital, ele apenas a colocou dentro do carro e a levou para a calçada da casa dos avós