Mundo

Babá brasileira é presa nos EUA após ser acusada de matar um homem a tiros

Juliana Peres Magalhães, de 23 anos, mora há dois anos nos Estados Unidos, para onde foi com o objetivo de trabalhar como babá (au pair) enquanto fazia intercâmbio.

Publicado: | Atualizado em 23/10/2023 10:00


Brasileira é acusada de homicídio | © Reprodução
Brasileira é acusada de homicídio | © Reprodução

Uma babá brasileira, de 23 anos, foi presa após ser acusada de matar um homem a tiros no condado de Fairfax, em Virgínia, nos Estados Unidos. A prisão aconteceu na última quinta-feira (19/10).

Juliana Peres Magalhães mora há dois anos nos Estados Unidos, para onde foi com o objetivo de trabalhar como babá (au pair) enquanto fazia intercâmbio. Ela estava morando com um casal norte-americano, que tinha uma filha, de 4 anos, de quem ela cuidava.

Segundo informações repassadas à imprensa, um homem chamado Joseph Ryan, de 39 anos, teria invadido a residência do casal e foi encontrado morto em seguida. A brasileira está sendo acusada de sua morte.

Além de Ryan, Christine Banfield, de 37 anos, a mãe da criança de quem Juliana cuidava, também foi encontrada morta.

Apesar do crime ter ocorrido em fevereiro deste ano, o Departamento de Polícia do Condado de Fairfax só concluiu a investigação na última quinta, quando prendeu a babá sob acusação de homicídio doloso de Joseph Ryan.

Juliana está sob custódia no Centro de Detenção de Adultos do condado, sem possibilidade de fiança. Não há previsão de um julgamento até o momento.

Segundo a versão da brasileira, ela teria visto Ryan invadindo o imóvel do casal para quem ela trabalhava. Assustada, ela ligou para Brendan Banfield, dono da casa. Quando os dois entraram na residência, encontraram Christine morta em seu quarto após levar várias facadas.

Em seguida, teria acontecido uma disputa corporal entre Juliana, Banfield e Ryan, momento em que a brasileira teria atirado contra esse último para “se defender e defender a família”.

A polícia concluiu que Magalhães atirou diversas vezes no tórax de Ryan, mas que ela não foi responsável pela morte de Christine Banfield. A morte da mulher ainda está sendo investigada.

 


Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

Mulher escolheu nome de filho após marido assistir a série Lúcifer | @ Reprodução
Mundo
Mulher coloca o nome do filho de ‘Lúcifer’, inspirada por série da Netflix

A decisão dos pais de escolher um nome tão carregado de simbolismo e controvérsia gerou um intenso debate público.


Pai foi preso em Córdoba, na Argentina | @ Reprodução/La Nacion
Mundo
Pai é preso após viajar 200 km com a filha presa no porta-malas de carro

A menor foi encontrada enrolada na parte traseira do veículo.


Emerson Barbosa
Mundo
Palmarino viaja para fazer intercâmbio em Dublin, na Irlanda

Emerson Barbosa, que é engenheiro de software, ficará em Dublin de oito meses a um ano em média.


Ebrahim Raisi presidente do Irã - @Reprodução
Mundo
Confirmada morte do presidente do Irã; Veja fotos

Fotos do corpo do presidente do Irã não foram divulgadas


Putin e o presidente do Irã - @Reprodução
Mundo
Presidente do Irã: Rússia envia equipe para ajudar nas buscas pelo helicóptero

Além da Rússia, outros países da região, como Arábia Saudita, Catar, Emirados Árabes Unidos, Kuwait, Síria e Iraque, ofereceram ajuda nas buscas