publicidade
publicidade
Maceió

Prefeito JHC entrega reforma da Escola Hermínio Cardoso em Fernão Velho

O novo espaço vai garantir que os mais de 400 alunos matriculados no prédio contem com melhor estrutura e acessibilidade.

Publicado:


Prefeito JHC
Prefeito JHC

O prefeito de Maceió, JHC, entregou nesta terça-feira (14), a reforma da Escola Hermínio Cardoso, no Fernão Velho. O novo espaço vai garantir que os mais de 400 alunos matriculados no prédio contem com melhor estrutura e acessibilidade. A nova escola vai impactar de forma positiva a comunidade que conta com carência de equipamentos educacionais.

“Como vocês podem ver, nós preservamos a arquitetura do prédio. Entregamos escolas que têm algumas peculiaridades especiais, e aqui temos alunos jovens, adultos e idosos. É uma oportunidade de recomeço para eles, alguns até trabalharam no processo de reforma da escola. Nós conseguimos deixar a escola pronta para a população e com todos os equipamentos necessários para funcionários e alunos”, destacou o prefeito.

O prédio da escola é histórico e fazia parte da Fábrica Carmen, que funcionava na comunidade no século XX. Na reforma, foram investidos mais de R$ 500 mil nas obras que foram iniciadas em maio deste ano.  Com a nova estrutura, os alunos contam com quadra de esportes, sala de informática, vestuário, acessibilidade, entre outros.

As salas de aula foram ampliadas para atender alunos da pré-escola e que têm idade menor que cinco anos. Além disso, foi construído um laboratório de informática.

Djanete Pires é mãe do aluno João Carlos, de seis anos, e elogiou a obra. De acordo com ela, a reforma vai facilitar e melhorar o aprendizado do filho. “A escola estava muito debilitada, tinham muitas partes com bastante necessidade de melhorias. Com certeza essa foi a melhor coisa que aconteceu para as crianças”, comemora.

A diretora da escola, Erli Pereira, contou que o prédio estava em decadência e sem conforto para alunos e funcionários. “Agora a escola está um sonho. Nós atingimos a meta de 400 alunos e antes só tínhamos 250 crianças matriculadas. A obra foi de suma importância para nossa comunidade, porque temos bastante dificuldade devido à distância para outras comunidades de Maceió. Nós aprovamos a obra”, afirmou.

O secretário de Educação de Maceió, Elder Maia, expôs que o Fernão Velho é um dos bairros mais distantes do Centro de Maceió e que conta com grande carência de alunos.

“A escola estava literalmente caindo, esse é um prédio histórico e tinha esse cuidado de preservar. Em quatro meses fizemos a reforma e hoje graças a Deus a obra está pronta e amanhã as crianças retornam para suas atividades e vão ter alimentação escolar, práticas esportivas. A obra também é um sopro de motivação para que os adultos e idosos que aqui também estudam”, disse o secretário.

*Com Secom Maceió
veja também

Prefeito de Maceió, JHC | © Assessoria
Maceió
Para evitar aumento da passagem, JHC zera o ISS para o setor de transporte

O prefeito revelou que vai encaminhar à Câmara Municipal projeto de lei ainda esta semana.


Maceió
Prefeito JHC lança programa Alfabetiza Maceió para contemplar quase 30 mil alunos

Programa é considerado pelo gestor da capital alagoana a maior iniciativa de alfabetização já vista em todo o Estado


Participaram da ação, na tarde de sábado (28), cerca de 370 lideranças femininas da região | © Cortesia
Maceió
Direitos das mulheres é tema de nova ação da Prefeitura na parte alta de Maceió

Participaram da ação, na tarde de sábado (28), cerca de 370 lideranças femininas dos bairros Eustáquio Gomes e Village Campestre.


1º Fórum Alagoano Permanente de Prevençao ao Suicídio | © Carla Cleto
Maceió
Maceió sediará fórum de prevenção e posvenção do suicído

O evento, que é uma realização do Comitê Estadual de Prevenção e Posvenção do Suicídio, acontecerá na próxima quarta-feira (22), no auditório do Senai, no Poço.


Prefeito JHC | © BR104
Maceió
Covid-19: JHC mantém vacinação de adolescentes em Maceió

Em nota, a Prefeitura afirmou que a "decisão é baseada na recomendação da Anvisa, do Conass e da Conasems, e dos conselhos de saúde".