Economia

Beneficiários do Bolsa Família estão pulando de alegria com essa novidade nesta sexta-feira (26/04)

Este incremento visa não somente apoiar financeiramente, mas também facilitar o manejo desses recursos através da digitalização do processo.

Publicado:


Bolsa Família - @Reprodução
Bolsa Família - @Reprodução

Em uma ação progressista para fortalecer o suporte às famílias de baixa renda no Brasil, a Caixa Econômica Federal introduz uma nova dinâmica no programa Bolsa Família, agora acessível através da plataforma digital Caixa Tem. Neste mês de abril de 2024, os beneficiários têm a possibilidade de sacar até R$ 1.000, valor que combina pagamentos base e adicionais. Este incremento visa não somente apoiar financeiramente, mas também facilitar o manejo desses recursos através da digitalização do processo.

O Que Mudou no Bolsa Família?

Historicamente, o Bolsa Família tem sido um alicerce crucial no conjunto de benefícios sociais do governo brasileiro, mas agora ele se expande para abranger ainda mais necessidades. A inclusão de múltiplos benefícios suplementares procura assegurar que as famílias mais vulneráveis tenham melhor capacidade de enfrentar os desafios econômicos, especialmente num contexto de recuperação pós-pandêmica.

Os pagamentos são agora calculados a partir de um valor base de R$ 600, podendo aumentar com a adição de programas complementares para aqueles que preenchem os critérios exigidos e mantêm seus dados atualizados no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).

Detalhes dos Benefícios Adicionais

Os beneficiários do Bolsa Família podem ver o valor inicial de R$ 600 aumentar para até R$ 1.000, considerando os seguintes acréscimos:

  • Benefício de Renda de Cidadania: Adiciona R$ 142 por membro da unidade familiar.
  • Benefício Complementar: Assegura que famílias cujo total de benefícios não atinja R$ 600 recebam a diferença necessária.
  • Benefício Primeira Infância: Oferece R$ 150 mensais para cada criança entre zero e sete anos.
  • Benefício Variável Familiar: Concede R$ 50 adicionais para gestantes e jovens entre 7 e 18 anos.
  • Benefício Variável Familiar Nutriz: Proporciona um extra de R$ 50 para cada membro da família com até sete meses de idade.
  • Benefício Extraordinário de Transição: Garante que todos os beneficiários recebam ao menos o montante anteriormente fornecido pelo extinto Auxílio Brasil.
  • Auxílio Gás: Paga, a cada dois meses, o equivalente ao valor médio de um botijão de gás de 13 kg, sendo R$100 em abril.

Calendário de Pagamentos de Abril

Para evitar congestionamentos nas agências e garantir uma distribuição eficiente, o calendário de pagamentos do Bolsa Família em abril é meticulosamente organizado para os últimos dez dias úteis do mês, seguindo o número final do Número de Identificação Social (NIS) de cada beneficiário:

  • 17 de abril: NIS final 1
  • 18 de abril: NIS final 2
  • 19 de abril: NIS final 3
  • 20 de abril: NIS final 4 (antecipado de 22)
  • 23 de abril: NIS final 5
  • 24 de abril: NIS final 6
  • 25 de abril: NIS final 7
  • 26 de abril: NIS final 8
  • 27 de abril: NIS final 9 (antecipado de 29)
  • 30 de abril: NIS final 0

A iniciativa não só reforça o compromisso do governo com as famílias de baixa renda, mas também otimiza o uso de plataformas digitais como o Caixa Tem, simplificando o acesso e gestão dos benefícios sociais. Para as famílias que buscam esse aumento potencial em seus benefícios, é crucial manter o cadastro atualizado e verificar regularmente sua elegibilidade para os benefícios adicionais do Bolsa Família.


Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

Calculadora — © Reprodução/Ilustração
Economia
Prazo para aderir ao Desenrola Brasil e negociar dívidas é prorrogado por mais 60 dias

Prazo serve para casos em que a pessoa tenha sido negativada entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022, não ultrapassando o valor de R$ 20 mil por dívida.


Pessoa contando as dividas - @Reprodução
Economia
Prazo para aderir ao programa Desenrola e negociar dívidas termina hoje

A negociação vale para casos em que a pessoa tenha sido negativada entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022, não ultrapassando o valor de R$ 20 mil por dívida


Mulher navegando no site do Desenrola Brasil - @Reprodução
Economia
Desenrola Brasil; Confira o prazo final

Adesão ao Desenrola Brasil: Últimos dias para renegociar suas dívidas com condições especiais. Não perca o prazo final!


Mulher navegando no site do Desenrola Brasil - @Reprodução
Economia
Desenrola Brasil: Veja o último dia para renegociar suas dívidas

Último dia para renegociar dívidas pelo Desenrola Brasil é 20 de maio. Aproveite os descontos e condições facilitadas para regularizar sua situação financeira.


Veicúlos que pagarão o novo DPVAT- @Reprodução
Economia
Novo DPVAT; Saiba qual o valor para carro e moto

A cobrança do SPVAT, o novo DPVAT, deverá começar em 2025, após a regulamentação necessária.