Crime

Condenado por estupro, Robinho ficará em cela separada por uma semana antes de ir para uma comum

O STJ validou a pena imposta ao ex-jogador pela justiça da Itália, por ele ter participado de um estupro coletivo de uma mulher.

Publicado: | Atualizado em 22/03/2024 14:21


Robinho — © Reprodução
Robinho — © Reprodução

O ex-jogador Robson de Souza, conhecido como Robinho, foi preso no início da noite desta quinta-feira (21), no prédio onde mora, na cidade de Santos, após o Superior Tribunal de Justiça (STJ) validar a pena imposta a ele pela justiça da Itália, por ter participado de um estupro coletivo de uma mulher.

O caso aconteceu em 2013, em uma boate na cidade de Milão. Na ocasião, o ex-atleta e mais cinco amigos participaram do crime contra uma mulher albanesa.

Robinho chegou na Penitenciária 2 Dr. José Augusto Salgado, na cidade de Tremembé, interior paulista, por volta da 1h desta sexta-feira (22), onde passou a primeira noite, e cumprirá pena de nove anos em regime fechado.

Em um primeiro momento, ele deve ficar em uma cela especial por cerca de uma semana, onde ficará em observação. Até mesmo os banhos de sol serão realizados de forma separada dos demais detentos. Após esse período, ele deverá ficar numa cela comum.

A defesa do ex-jogador afirma que recorrerá da decisão do ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), dada no fim da tarde de ontem.


Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

Foto ilustrativa de bebê | © Reprodução
Crime
Mãe é presa após matar filha de 10 meses envenenada e escondê-la em freezer

O caso aconteceu em Jaboatão dos Guararapes, na região metropolitana do Recife. 


Família foi morta pelo adolescente
Crime
Adolescente que matou a família afirma que gostava da irmã, mas precisou matá-la

O adolescente disse que precisou matar a irmã para que ela não impedisse o crime.


Momento da prisão da suspeita | @ Reprodução
Crime
Mulher trans é presa por dopar e estuprar jovem autista, em Maceió

O caso veio à tona quando a vítima relatou ao seu cuidador o que ocorreu.


Menor suspeito de ter atirado no estudante | @ Reprodução
Alagoas
Arma usada por adolescente para balear colega em escola foi comprada com dinheiro da ‘mesada’

Segundo o delegado responsável pelo caso, o crime foi motivado por ciúmes, uma vez que a vítima estaria namorando a ex-namorada do suspeito


Chão de sala de aula respingado com o que seria o sangue do estudante | @ Reprodução
Crime
Aluno é baleado por adolescente em escola do interior de Alagoas

Segundo informações da Polícia Civil, o suspeito foi motivado a atirar no aluno, pois esse estava se relacionando com a sua ex-namorada.