Alagoas

Monitor da Violência: Alagoas está entre os estados que reduziram mortes violentas no Brasil

Números reforçam dados apresentados pelo Núcleo de Estatística e Análise Criminal da Secretaria de Segurança Pública do Estado

Publicado:


Alagoas teve em 2023 o segundo melhor ano de toda a série histórica na redução de mortes violentas | @ Ascom PM-AL
Alagoas teve em 2023 o segundo melhor ano de toda a série histórica na redução de mortes violentas | @ Ascom PM-AL

Alagoas está entre os estados que alcançaram redução de homicídios em 2023 em relação ao ano anterior, tanto em números absolutos quanto em termos percentuais. A notícia é destaque desta terça-feira (12) no projeto Monitor da Violência, do portal nacional de notícias G1, com a queda de 1137 para 1131 registros. Inclusive, isso é o mesmo que aponta a tendência dos últimos 11 anos, onde a redução é de quase 50%. Em 2012, foram registrados 2187 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), como são chamados os homicídios.

Os números do Monitor da Violência reforçam os dados registrados em 2023 pelo Núcleo de Estatística e Análise Criminal da Secretaria de Segurança Pública do Estado. Alagoas teve no ano passado o segundo melhor ano de toda a série histórica. Os números do NEAC, que recentemente receberam o reconhecimento nacional como os mais transparentes do país.

Em janeiro, os dados reforçaram a redução registrada no primeiro e segundo semestre de 2023, com uma queda de 6% na segunda metade do ano passado. Em Arapiraca, foram registrados 94 MVIs, uma redução de 36,48% desde o início de toda a série histórica.

Outros comparativos apresentados pelo NEAC mostram a redução de 39% nos casos de feminicídio; de 99% nos assaltos aos ônibus de Maceió e a prisão de 964 foragidos da Justiça.

Não foram somente as MVIs que tiveram redução, de acordo com os dados do NEAC, Alagoas diminuiu o número de roubo a pedestres, carros de passeio, motos e residências, mas o destaque foi para o número de roubos a coletivo. Em 2023 foram registrados 14 casos em Maceió. Quando comparado com 2022 a redução foi de 41,6% e em relação a 2014 a redução é de 99%.

*Com Agência Alagoas

Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

@ Imagem ilustrativa
Alagoas
Homem é condenado a mais de 270 anos de prisão por estuprar 20 meninos em AL

De acordo com o MPAL, o homem prometia doces, bebidas, dinheiro e cigarros às vítimas, em troca de manter relações sexuais com elas.


Verde Alagoas - @BR104
Alagoas
MP entra com ação contra a Verde e pede indenização de R$ 500 mil por falta d’água e cobrança irregular

De acordo com a ação, a empresa Verde Ambiental Alagoas S.A. tem falhado na prestação de serviços básicos


@ Divulgação PC-AL
Alagoas
Homem é preso por se relacionar com adolescente de 12 anos e tirá-la da casa da família

Após levar a menor, o acusado manteve um relacionamento com ela por quatro anos e teve um filho de dois anos.


Lessa assume interinamente o governo de Alagoas, em cargo transmitido pelo presidente do TJ, Fernando Tourinho | @ Thiago Sampaio
Alagoas
Ronaldo Lessa assume interinamente governo de Alagoas

Na cerimônia de transmissão do cargo, o presidente do Tribunal de Justiça e o vice-governador destacam importância da harmonia entre os Poderes


Operação Maligno - @Reprodução
Alagoas
Operação Maligno: MP de Alagoas prende grupo que desviou mais de R$ 243 milhões dos cofres públicos

A Operação Maligno cumpriu cinco mandados de prisão, sendo um em Maceió, três em Petrolina (PE) e um em Japaratinga (AL).