Política

Os 5 erros de Sebastião de Jesus

Cabe uma reflexão sobre os sucessivos erros cometidos pelo ex-vereador Sebastião de Jesus

Publicado: | Atualizado em 07/04/2024 21:52


Sebastião de Jesus
Sebastião de Jesus

Às vésperas de uma nova eleição, cabe uma reflexão sobre os sucessivos erros cometidos pelo ex-vereador Sebastião de Jesus, que ficou em segundo lugar na disputa pela prefeitura de União dos Palmares em 2020.

1 – Não manteve o grupo unido

Em 2020, ao disputar para prefeito pelo Cidadania, Sebastião conseguiu, com alguns apoios importantes, montar um grupo de vereadores que se somou ao grupo do PP, de seu vice, Bruno Lopes, que lhe deu sustentação à época. O problema é que, após as eleições, todos os candidatos que deram sustentação à chapa encabeçada por ele foram “abandonados”. Os candidatos enfrentaram problemas com suas respectivas prestações de contas e não receberam sequer uma ligação de Sebastião oferecendo suporte ou o famoso tapinha nas costas.

2 – Não concorreu em 2022

Dois anos após uma eleição disputada como a de 2020, onde saiu de 0,1% nas pesquisas para se tornar o segundo colocado com cerca de 10 mil votos, era natural que mantivesse seu nome na eleição seguinte para continuar em evidência. O mais esperado era uma dobradinha entre ele e Bruno, disputando para estadual e federal, respectivamente. Se assim fizessem, essa seria a chapa natural para 2024, e tanto a oposição quanto a grande massa já teriam em mente a chapa que disputaria contra o candidato do governo. Mas ele preferiu apoiar outro candidato.

3 – Apoiou candidatos de fora de União

Esse foi outro erro grave. Ao invés de apoiar um candidato “da terra”, já que não queria ser candidato, Sebastião se engajou nas candidaturas de Rodrigo Valença para federal e Fátima Canuto para estadual. Se não disputasse nada, sairia melhor se não apoiasse ninguém.

4 – Perdeu a liderança

Essa sequência de erros fez com que Sebastião de Jesus, mesmo tendo capital financeiro, perdesse a liderança em seu próprio grupo político. Os sucessivos erros frustraram não apenas o povo, mas também alguns políticos que acreditavam que ele poderia “virar o jogo” e chegar em 2024 como um candidato viável, o que até esta data não aconteceu.

5 – Perdeu o ponto

Portanto, há quem acredite que Sebastião de Jesus perdeu o ponto e, sem conseguir a simpatia do povo, pode enterrar sua história política nesta eleição, caso a chapa que decida apoiar seja derrotada. Resta-lhe, então, dar ouvidos ao que disse Maquiavel em O Príncipe: “Aquele que não consegue ser amado, ao menos deve evitar ser odiado.”


Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

Lula e o presidente do Irã - @Reprodução
Política
A reação de Lula à morte do presidente do Irã

Lula expressou sua tristeza pela confirmação das mortes e estendeu suas condolências às famílias dos mortos


Rodrigo, Vanessa e Neno da Laje - @Reprodução
Política
A dor de cabeça em Neno da Laje

Recentemente, o grupo contratou uma pesquisa para avaliar os nomes de Rodrigo, Vanessa e Fabrícia.


Sebastião de Jesus
Política
Demora de Sebastião de Jesus abre espaço para teorias da conspiração

A mais recente é que ele teria se reunido com membros do grupo ligado ao governo para negociar seu apoio à candidatura de Júnior Menezes.


Raphael Pedrosa - @Reprodução
Política
Justiça cassa o mandato de Raphael Pedrosa 7 dias após posse

O portal BR104 apurou que Raphael Pedrosa estava inapto a assumir o mandato devido à ausência de certidões negativas


Júnior Menezes, Renan Calheiros e Kili
Política
A agenda de Júnior Menezes em Brasília

Como é ano de eleição e Júnior Menezes é pré-candidato a prefeito, a expectativa é de que essa ida a Brasília ao lado de Kil seja com o objetivo de reunir ainda mais apoio para sua candidatura.