publicidade
publicidade
Saúde

Varíola dos macacos e Covid-19; especialista explica a relação de transmissão

Para a infectologista Luana Araújo, "a varíola dos macacos está longe de ser como a [transmissibilidade] da Covid".

Publicado:


Variola dos Macacos - @Reprodução
Variola dos Macacos - @Reprodução

Após longos dois anos de pandemia, o crescimento repentino no número de casos da Varíola dos Macacos levanta um alerta sobre a transmissibilidade da doença, e um questionamento comum é se ela é transmissível como a Covid-19.

Quem responde essa pergunta é a infectologista Luana Araújo, que explica como essa doença tem um potencial menor de transmissão e como “a varíola dos macacos está longe de ser como a [transmissibilidade] da Covid”.

A pesquisadora explicou que “a contagiosidade é baixa e normalmente ligada a lugares onde esse vírus é endêmico, como alguns países africanos. Existem mudanças que, embora não coloquem a gente sob alerta como a pandemia da Covid-19, também nos trazem um cenário em que faltam muitas peças para entender o que está acontecendo e proteger as pessoas da melhor maneira possível”, disse.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) acompanha de perto o caso de um brasileiro que mora na Alemanha, e que está com suspeita de ter contraído a doença.

Neste final de semana, a Argentina confirmou que já tem um caso da doença no país, e especialistas alertam que é uma questão de tempo até termos casos confirmados da doença no Brasil.

veja também

Varíola dos macacos | © iStock
Branquinha
Branquinha tem primeiro caso suspeito da varíola dos macacos

Até o momento, um caso de varíola dos macacos foi confirmado em Alagoas.


Jéssica Batista | © Reprodução
Saúde
Saiba mais sobre a endometriose, doença que atinge 1 a cada 10 mulheres no Brasil

A psicóloga Jéssica Batista abordou diversos pontos sobre a endometriose e esclareceu dúvidas acerca do tema.



Varíola dos macacos | © Shutterstock
Saúde
Sesau confirma primeiro caso de varíola dos macacos em Alagoas

Após a confirmação, o número de casos em investigação subiu de 10 para 14 no estado de Alagoas; 8 deles em Maceió.


Cardiologista, Roberto Kalil | © Reprodução / Internet
Saúde
Cardiologista faz alerta sobre riscos causados por colesterol alto

Nesta segunda-feira (8/08), é comemorado o dia do combate e prevenção contra o colesterol.