publicidade
publicidade
Policial

Caso Flordelis: Delegado conclui inquérito sobre a morte do pastor Anderson do Carmo

Flordelis foi ouvida pelo delegado da Delegacia de Homicídios de Niterói

Publicado: | Atualizado em 22/05/2020 11:35


publicidade
publicidade
publicidade
Cantora gospel  e deputada federal Flordelis
Cantora gospel e deputada federal Flordelis

Prestes a completar um ano desde que o pastor Anderson do Carmo, esposo da deputada federal Flordelis (PSD), foi assassinado na garagem de sua residência, em São Gonçalo no Rio de Janeiro, a Polícia Civil ainda continua as investigações.

Na tarde desta quinta-feira (21), Flordelis foi ouvida durante cerca de 4 horas pelo delegado titular da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo, Allan Duarte Lacerda.

De acordo com a imprensa local, a deputada teria tentado de forma irregular, visitar o filho Lucas Cézar dos Santos, que está preso por confessar ter participado na morte do pastor.

O delegado que investiga o caso disse que Flordelis não depôs como acusada, mas como testemunha. Ele disse ainda que, com esse último depoimento de Flordelis, o inquérito está completo, e que em pouco tempo deverá apresentar o resultado final das investigações.

+ Deputada Flordelis pode ser expulsa do partido após novas acusações

Participação de Flordelis

A comunidade evangélica, que é maioria do eleitorado de Flordelis, está dividida sobre sua possível participação nesse crime. Embora o resultado do inquérito ainda não tenha sido divulgado, alguns fatores levam a questionamentos que jamais foram explicados pela pastora, como por exemplo;

– Por que ela mentiu várias vezes, contando várias versões do que teria acontecido naquela madrugada?

– Por que ela escondeu o celular do marido, considerado uma importante prova no inquérito?

– Por que queimou vários documentos no quintal de casa, horas depois da morte do marido?

– É verdade que ela estava envenenando a comida do marido?

Enquanto a justiça não responder a essas perguntas, Flordelis continuará sendo suspeita do crime, pelo menos no imaginário das pessoas.

publicidade
veja também



Pedra - @Imagem ilustrativa
Interior
Homem é socorrido após ser atingido por pedrada em União

O caso aconteceu no bairro Taquari, na periferia do município.


HGE | © Reprodução
Policial
Após ser esfaqueado, homem pede socorro em quartel da PM e é encaminhado para o HGE

De acordo com informações, a vítima tem 36 anos e é um morador em situação de rua.


Botijões de gás de cozinha recuperados em operação da Polícia Civil
Policial
Carga com 420 botijões de gás roubados é recuperada pela Polícia Civil em São José da Laje

Cerca de 420 botijões de gás foram recuperados numa operação conjunta entre a Polícia Civil de União dos Palmares e a Polícia Rodoviária Federal.


publicidade