publicidade
publicidade
Polícia

Taxista é morto enquanto aguarda cliente no Centro, em Maceió

Vítima aguardava clientes, quando o criminoso chegou efetuando diversos disparos de arma de fogo

Publicado: | Atualizado em 26/12/2018 14:20


Vítima foi morta enquanto esperava clientes (Crédito: Cortesia)
Vítima foi morta enquanto esperava clientes (Crédito: Cortesia)

Maceió – Um taxista foi assassinado a tiros, no início da manhã desta quinta-feira (8), em frente à Praça Dom Pedro II, que fica em frente à Assembleia Legislativa, no Centro de Maceió. A vítima estava com a esposa no momento do crime.

De acordo com informações de militares do 1° Batalhão de Polícia Militar, Pedro Tenório Neto, 38 anos, testemunhas relataram que o motorista tinha um ponto em frente à praça, e sua esposa – que trabalha no comércio – aguardava o horário de abertura das lojas, dentro do carro.

Ainda segundo os militares, a mulher, que não teve a identificação revelada, dormia, esperando que a loja em que trabalha abrisse, quando ouviu os disparos efetuados pelo criminoso. “Ela não sabe de onde partiram os tiros e nem outros detalhes do crime”, disse um militar.

O local do homicídio foi isolado para os procedimentos periciais realizados pelo Instituto de Criminalística (IC). O corpo, por sua vez, foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) ao exame de necropsia.

veja também

HGE | © Reprodução
Alagoas
Jogador do FF Sport é ferido a golpes de faca por dirigente do clube

O time disputa a Segunda Divisão do Campeonato Alagoano.


Viatura da Polícia Civil | © PCAL
Operação
Operação combate abuso sexual contra crianças e adolescentes em AL e mais 12 estados

Além dos estados brasileiros, outros seis países realizam a operação cumprindo mandados de busca e apreensão.


Hospital Regional da Mata | © Alyson Santos
Polícia
Segunda vítima de atentado no Newton Pereira segue internada no HRM

De acordo com informações, ela teve que passar por procedimentos cirúrgicos.


Veículo apreendido | © PRF/AL
Polícia
Carro roubado há 7 meses é recuperado pela PRF em União dos Palmares

O proprietário informou que havia adquirido em um aplicativo, mas não tinha nenhum documento que comprovasse a aquisição.


Homem algemado por policial | © Ilustração
Polícia
Homem é preso suspeito de abusar sexualmente de mulher embriagada

O caso aconteceu na noite deste domingo (26), no bairro do Poço, parte baixa da capital alagoana.