publicidade
publicidade
Polícia

“Talarico tem que morrer”, diz bilhete achado dentro de carro onde idoso foi assassinado

O automóvel foi encontrado por moradores da região na MG-179 e estava com o motor ligado e os faróis acesos.

Publicado:


Bilhete escrito talarica tem que morrer foi achado no painel do carro da vítima | © Reprodução
Bilhete escrito talarica tem que morrer foi achado no painel do carro da vítima | © Reprodução
publicidade
publicidade

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) está investigando o assassinato de um idoso de 62 anos, identificado como Cilso Ivan de Matos Anunciação, que foi encontrado dentro de um carro na rodovia MG-179, em Alfenas, no Sul do estado.

O homem teria sido morto a tiros e o suposto criminoso deixou um bilhete no painel do veículo que dizia: “Talarico tem que morrer”. O texto insinuava que a vítima se envolveu com uma pessoa comprometida e ainda a xingava com palavrões.

De acordo com a Polícia Militar, o automóvel foi encontrado por moradores da região e estava com o motor ligado e os faróis acesos. Ainda de acordo com os militares, a vítima tinha passagens pelos crimes de lesão corporal, desacato e estelionato.

*Com informações de G1
veja também

Material apreendido pelas guarnições RP-01 e RP-02, em Murici | © PMAL
Polícia
Polícia cumpre mandado de prisão contra acusado de homicídios em Murici

Ele também foi alvo da "Operação Parabellum", realizada no dia 13 de janeiro de 2022, mas na ocasião, não foi encontrado, segundo a polícia.


Entre os produtos furtados estavam carnes, linguiças, leite em pó, creme dental | © PMAL
Polícia
Homem é preso após tentar furtar mercadorias de supermercado, em União dos Palmares

Entre os produtos, estavam carnes, linguiças, leite em pó, creme dental e outros produtos de higiene pessoal e de limpeza.


Material foi apreendido com casal durante abordagem da PM em Murici | © Cortesia ao BR104
Polícia
Mulher alvo de operação contra o tráfico é presa em Murici com arma e drogas

A mulher estava na companhia de um homem de 22 anos, que também foi preso, na rua Gastão Tenório, região Central do município.


A vítima, que foi executada na porta de casa, morava no Povoado Pindoba | © Reprodução
Polícia
Homem que sobreviveu a atentado há um ano é assassinado no interior de Alagoas

A vítima, que foi executada na porta de casa, morava no Povoado Pindoba. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.


O acusado disse à polícia que apertou a coleira porque o cachorro o
Polícia
Funcionário de clínica é preso após agredir cão até a morte: “Me estressei com ele”

O caso ocorreu em um estabelecimento localizado no bairro Barro Duro, parte alta de Maceió, e foi flagrado por câmeras de segurança do local.