publicidade
publicidade
Polícia

PF realiza operação contra empresas ilegais de segurança privada, em Alagoas

Durante a ação no estado, um vigilante foi preso por porte ilegal de arma e uma empresa foi autuada por fornecer, clandestinamente, serviços de segurança privada.

Publicado: | Atualizado em 25/11/2021 14:45


Em Alagoas, vigilante foi autuado por porte ilegal de arma de fogo | © PF
Em Alagoas, vigilante foi autuado por porte ilegal de arma de fogo | © PF

A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta quinta-feira (25/11), uma operação visando combater o exercício ilegal da atividade de segurança privada, tanto por empresas quanto por pessoas não capacitadas para exercer a atividade de vigilante.

Intitulada de “Segurança Legal”, a ação está sendo realizada durante este dia em todas as 27 capitais e nas 95 unidades descentralizadas da PF no país. Em Alagoas, uma empresa foi autuada por fornecer, clandestinamente, serviços de segurança privada.

Além disso, em um segundo estabelecimento fiscalizado no estado, os policiais federais prenderam um vigilante, que atua na Guarda Municipal de Teotônio Vilela, por porte ilegal de arma de fogo. Ele estava com uma pistola calibre .380.

Neste caso, como a arma utilizada estava registrada em nome do autuado, cabe a liberação após o pagamento de fiança, mas o registro do proprietário da arma deverá ser cassado. Ao todo, quatro estabelecimentos foram alvos da fiscalização em Alagoas.

O exercício de atividade com uso de seguranças clandestinos, sem possuírem a devida capacitação, compromete a segurança do local, ainda coloca em risco a vida e a integridade física dos cidadãos que frequentam o estabelecimento.

Na operação desta quinta, foram mobilizados 12 policiais federais da Superintendência da Polícia Federal em solo alagoano, sendo que os trabalhos fiscalizatórios continuarão a ser realizados rotineiramente no âmbito do estado.

Denúncias sobre irregularidade ou clandestinidade nas atividades de segurança privada podem ser feitas à DELESP/DREX/SR/PF/AL, pelo e-mail institucional [email protected] ou na própria sede da Polícia Federal, no bairro do Jaraguá, em Maceió/AL.

*Com informações da PF

veja também

Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) de Murici | © Agência Alagoas
Polícia
É grave estado de homem que teve os olhos mutilados em Murici, diz HGE

O fato ocorreu na madrugada deste domingo (5), no conjunto Olavo Calheiros II.


Viatura da Policia Civil no HRM | © BR104
Polícia
Jovem crava faca na ex-namorada após flagrá-la com o atual em São José da Laje

O atual companheiro da vítima também foi esfaqueado. Os dois foram encaminhados para o Hospital Regional da Mata.


Material apreendido durante a Operação Lobos II | © PF
Polícia
PF realiza operação de combate ao abuso infantil em Alagoas e mais 20 estados

No total, os agentes cumprem oito mandados de prisão preventiva e 104 de busca e apreensão.


Imagem ilustrativa de bebê agredido | © Reprodução
Polícia
PC investiga morte de bebê encontrado com queimaduras nas mãos em Maceió

Os pais do bebê foram encaminhados pelos policiais até a Central de Flagrantes para mais esclarecimentos sobre a morte dele.


Viatura da polícia | © Ilustração
Polícia
Corpo de mulher é encontrado parcialmente queimado e com fios no pescoço

Ao lado do corpo também foram encontrados um isqueiro e um galão de gasolina.