Esposa de promotor tirou a própria vida, conclui perícia

Martha foi encontrada com um tiro na cabeça dentro dentro da residência onde morava, no Jardim Petrópolis, parte alta de Maceió


Publicado em: 06/06/19 às 14:01 por Redação | BR104 | Atualizado em 06/06/2019 às 14:02



Martha foi encontrada com um tiro na cabeça dentro dentro da residência onde morava, no Jardim Petrópolis, parte alta de Maceió — © Arquivo

Polícia — A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) concluiu o inquérito policial que investigou a morte de Martha Nascimento, esposa do promotor de Justiça Sidrack Nascimento, encontrada morta no condomínio Alameda do Horto, em Maceió.

Martha foi encontrada com um tiro na cabeça dentro da residência onde morava, no Jardim Petrópolis, parte alta de Maceió. No local, a polícia encontrou a vítima com um ferimento de arma de fogo na cabeça e uma arma ao lado do corpo.

Durante as investigações, iniciadas pela delegada plantonista da Central de Flagrantes, Luci Mônica esteve no local do crime, fez algumas requisições de exames, ouviu testemunhas e o esposo da vítima.

Logo após, o caso foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde várias diligências foram realizadas e ao todo 13 pessoas foram notificadas e ouvidas durante o inquérito entre elas, uma testemunha ocular e esposo da vítima.

+ Irmão de vereador mata esposa e comete suicídio no interior

Segundo o delegado Eduardo Méro, titular da DHPP, após o recebimento dos laudos periciais do IML (Instituto Médico Legal) e do IC (Instituto de Criminalista), ficou confirmado que houve suicídio.

“Desde de que tomou conhecimento do caso, a Polícia Civil não descartou outras linhas de investigações, mas com a prova técnica pericial, conclui o inquérito confirma que Martha Nascimento cometeu suicídio”, esclareceu.

*Da Redação com PC/AL