Em ações distintas, BPRp prende suspeitos por tráfico e porte ilegal de arma de fogo

As ocorrências foram registradas nos bairros Sítio São Jorge e Santa Amélia, em Maceió


Publicado em: 17/05/19 às 15:09 por Redação | BR104 | Atualizado em 17/05/2019 às 15:11



As ocorrências foram registradas nos bairros Santa Amélia e São Jorge , respectivamente, em Maceió - © PM/AL

Maceió – Em ações distintas durante a noite dessa quinta-feira (16), equipes do Batalhão de Polícia de Radiopatrulha (BPRp) localizaram e prenderam três indivíduos suspeitos no envolvimento com tráfico de drogas e que portavam armas de fogo ilegalmente. As ocorrências foram registradas nos bairros Sítio São Jorge e Santa Amélia, em Maceió.

No bairro São Jorge, Sandroeano Calista, de 38 anos, foi preso por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido pelos militares da RP 04 com o apoio do Serviço de Inteligência do batalhão. Com ele, além de um revólver calibre 38, foram encontradas 04 munições intactas e uma pinada e 679 gramas de maconha.

Segundo a polícia, uma denúncia anônima informava que um indivíduo teria escondido em sua residência certa quantidade de drogas e armas. Após a denúncia, a guarnição se dirigiu ao local e, ao chegar no imóvel e com a devida autorização do proprietário, os militares realizaram a revista nos cômodos da casa.

Em um dos quartos estava a maconha. No quintal, em um fundo falso, foi descoberto o revólver com as munições. O autor foi conduzido ao Complexo de Delegacias Especializadas (CODE) e autuado pelos crimes de tráfico de entorpecentes e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

+ Polícia prende irmãos suspeitos de chefiar o tráfico de drogas em Murici

Santa Amélia

No bairro da Santa Amélia, numa região conhecida como Campo da Antena, foram presos Gabriel Wilson de Oliveira e José Roberto Lima Silva, ambos de 21 anos de idade, após uma denúncia anônima.

Durante a ação, a policia apreendeu um revólver calibre 38, com munições intactas do mesmo calibre, 450 gramas de maconha e sete celulares de procedência duvidosa.

Quando as guarnições chegaram ao local indicado, os indivíduos tentaram empreender fuga. Gabriel tentou se desfazer do revólver jogando-o em um córrego, enquanto José entrou na residência, mas foi interceptado.

Buscas realizadas no imóvel localizaram uma certa quantidade de maconha e uma balança de precisão, juntamente com os celulares.