publicidade
publicidade
Polícia

Confronto entre BOPE e suspeitos de atentado contra Lérida Lobo, deixa dois baleados

Os suspeitos feridos foram socorridos e levados para a UPA de Palmeira dos Índios. Haviam 3, mas o outro conseguiu fugiu.

Publicado: | Atualizado em 05/08/2022 16:04


Candidata a Deputada Federal Lérida Lobo | © Reprodução
Candidata a Deputada Federal Lérida Lobo | © Reprodução

Dois suspeitos envolvidos no atentado contra a candidata à deputada federal Lérida Lôbo, que resultou na morte do seu marido, José Adilson da Silva, foram baleados pela Polícia Militar durante confronto, na manhã desta sexta-feira (05/8).

De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos foram localizados a partir de imagens de câmeras de segurança, que identificaram o veículo utilizado pelos criminosos.

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) foi até a uma locadora da qual o carro pertencia. O proprietário do estabelecimento relatou que o suspeito havia pedido o carro para resolver problemas pessoais.

O dono da locadora informou o endereço dos suspeitos. Ao chegar no local, houve confronto entre os suspeitos e os militares do BOPE. Dois dos três envolvidos foram baleados, um outro conseguiu fugir.

Os suspeitos feridos foram socorridos e levados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Palmeira dos Índios. Com eles foram apreendidos um revólver, uma pistola, uma touca ninja, R$ 205 em espécie, mais de 60 munições e celulares.

O delegado responsável pelo caso ainda não se pronunciou sobre a investigação do crime, mas está em diligências desde a madrugada de hoje.

*Com Alagoas 24 horas
veja também

Alison Miranda da Silva - @reprodução
Polícia
Preso de União dos Palmares que foragiu do presídio é recapturado após troca de tiros

Alison Miranda da Silva aguarda julgamento pelo crime de homicídio contra Uelinton Bezerra da Paz, em 2016


Presídio do Agreste fica em Girau do Ponciano, interior de Alagoas — Foto: Jorge Santos/Seris
Polícia
Busca por foragidos do presídio tem um morto e quatro recapturados até o momento

Entre os criminosos que ainda não foram recapturados está o preso João Paulo Santos, conhecido como Satanás.


Satanás
Polícia
Foragido: Satanás tentou matar o deputado Nivaldo Albuquerque

Essa não é a primeira vez que ele foge do presídio, em 2017, Satanás conseguiu escapar de um presidio de segurança máxima em Maceió


José Rendrikson Barbosa Vilar
Polícia
Foragido: Rendrikson Barbosa matou inimigo com golpes de enxada

A vítima foi atingida por disparos de arma de fogo pelas costas, e em seguida, os criminosos usaram sua própria enxada e o atingiram com golpes na cabeça


José Sebastião Vicente da Silva
Polícia
Foragido: José Sebastião foi condenado por tráfico de drogas

Ele foi preso em flagrante na posse de maconha, crack e dinheiro