Mundo

Líder de seita que levou mais de 400 fiéis a jejuarem até a morte pode ser acusado de assassinato

O líder evangélico e 94 pessoas podem responder por terrorismo, assassinato, homicídio culposo e tortura após a morte de 429 seguidores; caso aconteceu em abril do ano passado.

Publicado: | Atualizado em 18/01/2024 11:19


Corpos de fiéis foram encontrados em valas no Quênia | © REUTERS/Stringer
Corpos de fiéis foram encontrados em valas no Quênia | © REUTERS/Stringer

Paul Mackenzie, líder de uma seita evangélica no Quênia que levou centenas de fiéis a jejuarem por vários dias “até conhecerem Jesus”, pode ser acusado de assassinato após a morte de seus seguidores.

Uma audiência sobre o assunto aconteceu nesta quarta-feira (17). Na ocasião, um juiz determinou que Mackenzie e seus supostos colaboradores passem por avaliação de saúde mental antes de serem formalmente acusados.

Caso a acusação aconteça, o líder evangélico e 94 pessoas podem responder por terrorismo, assassinato, homicídio culposo e tortura após a morte de 429 seguidores.

“Após uma análise minuciosa das provas, o diretor de Processos Penais está convencido de que existem provas suficientes para processar 95 suspeitos”, afirmou o Ministério Público em um comunicado.

Mackenzie é fundador da Igreja Internacional das Boas Novas. As investigações apontam que ele incentivou várias pessoas a passarem por uma greve de fome na floresta de Shakahola, onde os corpos foram encontrados em valas, em abril do ano passado.

A motivação para o jejum seria encontrar Jesus em 15 de abril, data em que o líder religioso acreditava que o mundo acabaria. A maioria dos cadáveres foram encontrados foram de crianças, que também participaram do ritual.

As necropsias apontam que parte dos 429 fiéis morreram de fome e desnutrição, enquanto outros foram estrangulados, agredidos ou sufocados. Além disso, houveram vítimas que foram encontradas sem alguns órgãos.

 


Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

Gol | @ Divulgação
Mundo
Convocação para greve geral na Argentina causa cancelamento de voos brasileiros nesta quarta

A empresa Gol foi a que mais cancelou idas ao destino, apresentando mais de 20 cancelamentos.


Cachorro (foto ilustrativa) — © Pexels
Mundo
Parlamento da Coreia do Sul aprova lei que proíbe a comercialização de carne canina no país

A lei diz que quem criar cachorros com o objetivo de abatê-los para comercialização da carne e consumo deve ser punido com até três anos de prisão ou multas.


Papa Francisco | © Reprodução
Mundo
Papa Francisco pede proibição da prática de “barriga de aluguel” em todo o mundo

A prática da "barriga de aluguel" consiste em um procedimento em que uma mulher concorda em engravidar e carregar um feto para outra pessoa ou casal.


Padre - @Reprodução
Mundo
Padre é socorrido após cortar o próprio pênis ao ver carrapato

O padre foi encontrado desacordado em seu quarto, ao lado de uma faca e em meio a uma poça de sangue


Cecil, de 7 anos, comeu notas de 50 e 100 | © Reprodução
Mundo
Cachorro come US$ 4 mil em notas e tutores tentam recuperá-las nas fezes: “Lavagem de dinheiro”

Os tutores precisaram esperar que o animal fizesse suas necessidades para tentar recuperar algumas notas nas fezes.