Vereador é investigado por suspeita de lavagem de dinheiro e sonegação

As denúncias enviadas ao MP envolvem o vereador Paulo Cavalcante Soares (PSC), e foram encaminhadas pela Prefeitura de Pilar


Publicado em: 11/06/19 às 8:20 por Redação | BR104 | Atualizado em 11/06/2019 às 14:16



As denúncias enviadas envolvem o vereador Paulo Cavalcante Soares (PSC), e foram encaminhadas pela Prefeitura de Pilar — © Arquivo Pessoal

Política — Por intermédio da Promotoria de Justiça de Pilar, o Ministério Público do Estado (MPE/AL) instaurou procedimento investigatório criminal para apurar denúncias de possíveis crimes de lavagem de dinheiro, sonegação fiscal e improbidade administrativa, supostamente praticados por um vereador do município.

As denúncias enviadas envolvem o vereador Paulo Cavalcante Soares (PSC), e foram encaminhadas pela Prefeitura de Pilar. O promotor de Justiça Silvio Azevedo Sampaio determinou sigilo das investigações, em razão da ordem pública. A portaria foi publicada nessa segunda-feira (10), no Diário Oficial do Estado (DOE).

+ DataSensus divulga pesquisa de intenção de voto para prefeitura de União

Conforme a denúncia enviada ao MP, o vereador teria comprado um terreno neste município, pela quantia de R$800 mil, que não consta na declaração de bens do parlamentar na eleição do ano de 2016, sendo incompatível com os valores percebidos na condição de vereador.

Na justificativa para converter a notícia de fato em Procedimento Investigatório Criminal, o promotor de Justiça considerou que, “dos fatos relatados, deflui-se a urgência a adoção de medidas preventivas, assecuratórias e repressivas, almejando fazer cessar os graves delitos que deturpam a moralidade na Administração Pública”.