São Paulo e Bahia fazem jogo morno no Morumbi e ficam no empate sem gols

Com Toró expulso, e Liziero sendo substituído por uma lesão ocasionada no confronto


Publicado em: 20/05/19 às 10:52 por Johny Lucena | BR104 | Atualizado em 20/05/2019 às 10:52



São Paulo empata com Bahia em jogo morno neste domingo (19) - © Felipe Oliveira/Imagem

Série A do Brasileirão – O confronto entre São Paulo e Bahia foi marcado por expulsão em um jogo pra lá de morno. Sem um ressumo agradável aos torcedores dos dois clubes que não gostaram muito do que viram na manhã desse domingo (19). O confronto foi valido pela 5ª rodada do Brasileiro, e para a decepções dos mais de 40 mil torcedores presentes no estádio Morumbi, o que eles protagonizaram foi um jogo morno sem sair do zero a zero.

A atenção da partida ficou na lesão do meia Liziero, que tomou um pisão de Gregore em uma disputa de bola e acabou torcendo feio o tornozelo direito. Ao menos foi isso que as imagens capitaram na hora em que o jogador estava saindo do campo na maca, acompanhado dos para-médicos.

+ Com desfalque, CRB encara o Coritiba nesta segunda (20) pela Série B do Brasileiro

Com o empate o São Paulo chegou a soma dos seus 11 pontos, ocupando a terceira posição na tabela da competição. Já o Bahia fica na oitava posição com 7 pontos. Nesta próxima quarta-feira (22) as duas equipes voltam a se enfrentar, só que desta vez o jogo é valido pela oitava de final do Campeonato Brasileiro, o confronto está previsto para às 21:30h, no estádio Morumbi.

Primeiro tempo

Mesmo com a maior posse de bola dentro de campo o São Paulo não conseguia realizar contra-taques mais ofensivos, que levassem o clube a marcar na partida. Uma de suas melhores oportunidades foi uma jogada com Toró, que ficou cara a cara com o goleiro Douglas, que por sinal, fez uma grande defesa salvando o Bahia.

+ Após boa atuação Inter vence CSA por 2 a 0 e se aproxima do G4

Segundo tempo

Na volta do intervalo o técnico Cuca substituiu Alexandre Pato, colocando Helinho em seu lugar. Com a alteração o clube cresceu dentro de campo arriscando mais e colocando o goleiro Douglas para trabalhar.

Aos 26 minutos em um lance perigoso, Toró deixou o pé no ombro do goleiro Douglas, e levou amarelo. Porém, o VAR chamou o árbitro para rever o lance, retirar o cartão amarelo e aplicar o vermelho, expulsando o jogador da partida.