publicidade
publicidade
Esporte

Maurício Borges: Único nordestino a integrar seleção masculina de vôlei

Na equipe brasileira, um alagoano vem se destacando e fazendo a diferença quando entra em quadra.

Publicado:


Maurício Boorges – © Instagram
Maurício Boorges – © Instagram

Neste sábado (31/7), a Seleção Brasileira de Vôlei entra em quadra na disputa por mais uma vitória nos jogos Olímpicos de Tóquio. Desta vez, o time encara a França, a partir das 23h (horário de Brasília). Este será o último confronto da primeira fase da competição, onde o Brasil já registrou três vitórias e sofreu apenas uma derrota. Atualmente, o time ocupa o 2º lugar no Grupo B, com oito pontos.

Na equipe brasileira, um alagoano vem se destacando e fazendo a diferença quando entra em quadra. O maceioense Maurício Borges, que aos 32 anos, é um dos nomes mais confiáveis de Renan Dal Zotto, atual técnico da seleção masculina de vôlei, e tem feito um trabalho impressionante durante suas participações nos jogos.

Na partida contra os Estados Unidos, por exemplo, onde o Brasil teve dificuldades para se encontrar, fazendo com que o treinador pressionasse mais os atletas e optasse pelo alagoano, ao entrar em quadra, Borges mudou completamente o jogo.

Maurício Borges utilizando máscara contra de proteção contra a Covid – © Instagram

Maurício Borges utilizando máscara contra de proteção contra a Covid – © Instagram

A paixão de Maurício pelo vôlei nasceu dentro de casa, onde sua mãe foi a principal incentivadora. Em sua trajetória, Borges teve que se esforçar para colher todo o sucesso que o circunda hoje: ele estudava pela manhã no colégio Marista, almoçava no local, treinava com a equipe escolar e depois emendava três treinos seguidos no CRB, nas categorias infantil, infanto-juvenil e adulto.

Em uma matéria publicada pelo jornal Folha de S.Paulo, o único nordestino que integra a equipe brasileira afirma que sempre se via jogando vôlei.

– Eu sempre gostei muito. Só me imaginava jogando vôlei. Quando eu tinha 14 anos, fomos para Belo Horizonte, e fiz um teste. Passei no primeiro dia. Foi difícil. Pela saudade, eu queria voltar para casa. Havia uma rotatividade de atletas, e eu fazia poucas amizades, mas resolvi ficar e ainda bem que fiz isso – declarou durante a reportagem.

Como forma de incentivar o uso de máscaras contra a Covid-19, Maurício Borges optou por utilizar o equipamento de proteção em todas as partidas do campeonato. O atleta nunca esquece suas raízes, e em cada partida olímpica, leva uma bandeira de Alagoas e a pendura no quarto onde está instalado.

veja também

Jogadores da Argentina antes do jogo
Esporte
Quem são os jogadores da Argentina expulsos do Brasil pela Anvisa

Os atletas mentiram sobre os países em que estiveram antes de virem ao Brasil.


Jogo entre Brasil e Argentina paralisado - reprodução
Esporte
Anvisa interrompe jogo entre Brasil e Argentina e expulsa jogadores do país

A Anvisa aguarda que eles sejam deportados imediatamente pela Polícia Federal.


Marivana Oliveira - @reprodução
Esporte
Alagoana conquista medalha de prata na Paralimpíada de Tóquio

Marivana Oliveira conquistou a 49° medalha para o Brasil nos Jogos Paralímpicos de Tóquio.


Bocada - @reprodução
Esporte
Morre Bocada, ícone do futebol amador em União dos Palmares

A ASFAMP (Associação de Futebol Amador Matinal Palmarino) prestou homenagem ao jogador.


Hugo Chavarria – © Rayane Rodrigues
Esporte
Clube Tigre Futsal retorna após 3 anos sem disputar campeonato

O time já iniciou a temporada com resultados positivos no Campeonato Alagoano de Futsal 2021.