publicidade
publicidade
Crime

Testemunha diz que Flordelis faz magia negra e só é evangélica “porque dá dinheiro”

Além da parlamentar, outros sete filhos e uma neta são acusados de envolvimento no crime

Publicado:


Flordelis acusada de praticar magia negra (Reprodução)
Flordelis acusada de praticar magia negra (Reprodução)
publicidade
publicidade

Na última sexta-feira (27), uma das testemunhas ouvidas no processo no qual a deputada federal Flordelis (PSD), é ré pela morte do marido Anderson do Carmo, disse que a parlamentar possui em sua casa objetos para rituais de magia negra.

Segundo a empresária Regiane Ramos, Flordelis ordenou a um dos seus filhos Carlos Ubiraci, que ele retirasse uma mala com o material da residência após o assassinato do pastor. Carlos já está preso sob a acusação de envolvimento no crime

+ Flordelis dizia que recebia ‘mensagens divinas’ sobre a morte de pastor, diz nora

Regiane também disse que os rituais aconteciam no quarto de orações da parlamentar, na casa da família em Pendotiba, Niterói, mas nem todos tinham autorização para entrar no cômodo.

“Só algumas pessoas podiam entrar nesses rituais. São (rituais) para acabar casamento, fazer as pessoas ficarem cada vez mais grudadas a ela. Eles não são evangélicos”, disse a testemunha, acrescentando que a religião evangélica foi a escolhida por Flordelis porque “era a que dava dinheiro”.

A empresária não foi a única que citou o quarto de orações da casa e os rituais praticados nele. O filho afetivo Wagner de Andrade Pimenta, conhecido como Misael, também mencionou o cômodo em seu depoimento. De acordo com Misael, os rituais que ele presenciou não eram normais no meio evangélico.

+ Flordelis garante que provará sua inocência nos próximos dias

“Ela pegava nomes de pessoas que queria que se aproximassem da família e fazia a preparação. Tinha mel, açúcar e alguidar. Havia orações, pedidos para Deus , mas aquilo não era normal no meio evangélico”, revelou Misael.

Flordelis que também é pastora e cantora gospel, é ré, acusada de ser a mandante da morte do marido, o pastor Anderson do Carmo , assassinado em junho do ano passado.

Além da deputada, outros sete filhos e uma neta são acusados de envolvimento no crime. Na próxima sexta-feira, será realizada a terceira audiência do processo, no fórum de Niterói.

veja também

Mc Boco do Borel/Reprodução
Crime
Pioneiro do Brega Funk, MC Boco do Borel, é morto a tiros durante show

O MC Boco do Borel, 34 anos, foi um dos pioneiros da propagação do brega funk. O velório acontece nesta segunda (27) às 11:00.


Homens são baleados em dupla tentativa de homicídio em União dos Palmares — © Ilustração
Alagoas
Novembro é o mês mais violento em AL desde janeiro de 2021

Pelo menos 57 cidades do estado não registraram nenhum homicídio em novembro.


Viatura da Força Tarefa, pertencente ao 2º BPM — © BR104
Crime
Sequestro relâmpago deixa um morto e uma mulher ferida em Maceió

O sequestro relâmpago aconteceu na noite desta segunda-feira (18/10), nas proximidades da Ponte do Mirante, no bairro de Guaxuma.


Calendário da primeira parcela do Auxílio Emergencial
Crime
Alerta! Novo golpe do auxílio emergencial induz a devolução do dinheiro

Criminosos estão enviando SMS para os beneficiários, se passando pela Caixa Econômica Federal.


Lázaro Barbosa Sousa
Crime
“Raio X” de Lázaro Barbosa, o criminoso que leva terror a Goiás

O criminoso tem sido o homem mais procurado do Distrito Federal nos últimos dias e diz ser perseguido por uma espécie de "demônio" ou "espírito".