publicidade
publicidade
Crime

Homem sofre perseguição e é executado com 11 tiros logo em seguida

De acordo com policiais, Gleverson Paulino, teria sofrido perseguição e executado logo em seguida

Publicado: | Atualizado em 15/12/2018 10:12


publicidade
publicidade
publicidade
Viatura do Instituto Médico Legal — © Reprodução
Viatura do Instituto Médico Legal — © Reprodução

Maceió – Na tarde deste sábado (24) a Polícia Militar da cidade de Maceió, registrou mais um homicídio. A vítima foi identificada como Gleverson Paulino do Santos, 26 anos, o mesmo foi perseguido e executado a tiros no Conjunto Virgem dos Pobres III, no bairro do Trapiche da Barra.

De acordo com informações da polícia, a vítima sofreu uma perseguição por vários suspeitos que até o momento não foram identificados, eles efetuaram disparos de armas de fogo contra Paulino, atingindo-o com 11 tiros no total.

+ Homem é preso vendendo maconha em preço de Black Friday em Maceió

Os disparos atingiram a vítima nas seguintes regiões do corpo: Três na perna esquerda, um no tórax, dois nos glúteos, dois tiros na perna direita, dois na coluna lombar e um disparo na coluna vertebral. A vítima morreu logo após os disparos e antes do resgate chegar ao local.

Equipes da Delegacia de Homicídios, Instituto Médico Legal (IML) e o Instituto de Criminalística (IC) foram acionados para a realização dos procedimentos cabíveis.

publicidade
veja também

Drogas | © Assessoria
Crime
Policiais da 6ª DRP apreendem 16 Kg de maconha em São Miguel dos Campos

Em São Miguel dos Campos, policiais civis da 6ª Delegacia Regional de Polícia (6ª DRP) realizaram uma grande apreensão de drogas.


Crime Imagem Ilustrativa | © Reprodução
Crime
Empresário foge após assassinar homem dentro do próprio estabelecimento

Um empresário de Maceió fugiu após confessar aos familiares que matou um homem.


Polícia Federal | © Divulgação
Crime
Polícia Federal de Alagoas deflagra operação contra fraudes no Auxílio Emergencial

Agentes da Polícia Federal em Alagoas deflagraram uma operação contra uma associação criminosa que fraudava Auxílio Emergencial.


Torcedor detido por racismo | © Reprodução e Amanda Perobelli/Reuters
Crime
Torcedor argentino é detido por atos racistas contra torcida do Corinthians

O torcedor argentino fez atos racistas para a torcida do time paulista, imitando um macaco. Ele foi encaminhado ao 24º DP.


Homem é preso no Rio de Janeiro | © Reprodução
Crime
Homem suspeito de matar filho de PM em Alagoas é preso no RJ

Valter dos Santos Silva, de 27 anos, conhecido como Gordão, foi preso no Rio de Janeiro. Ele é suspeito de matar o filho de um PM em Alagoas.


publicidade