publicidade
publicidade
Coronavírus

Alagoas: Ocupação de leitos de UTI para Covid e Influenza é de 62%

Dos 507 leitos criados pela Sesau, 282 estavam ocupados até às 16h desta quinta-feira (27).

Publicado:


Leito de UTI | © Imagem ilustrativa
Leito de UTI | © Imagem ilustrativa

Os casos de Covid-19 e Influenza têm aumentado em Alagoas, e, consequentemente, impactado diretamente nas solicitações por leitos nas unidades de saúde. É o que mostra os dados do boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

Alagoas tem uma taxa de 56% de ocupação dos leitos exclusivos para pacientes com suspeita ou confirmação do novo coronavírus ou Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Dos 507 leitos criados pela Sesau, 282 estavam ocupados até às 16h desta quinta-feira (27/01).

Considerando apenas os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), a ocupação do estado é de 62%. A situação é mais crítica em Maceió, que tem 78% de ocupação nas UTIs. No interior, é Arapiraca que continua com a maior taxa, com 85% das UTIs ocupadas.

Nas últimas 24 horas, também foram confirmados 543 novos casos do novo coronavírus e cinco mortes por causa da doença. Com isso, Alagoas tem um total de 252.983 de pessoas infectadas desde o início da pandemia e 6.421 não resistiram à doença e morreram.

Óbitos registrados nas últimas 24h:

  • um homem de 62 anos tinha sequelas de um Acidente Vascular Encefálico (AVE) e morreu em seu domicílio;
  • mulher de 89 anos era diabética, hipertensa e morreu no Hospital da Mulher (HM), em Maceió.
  • um homem de 44 anos residia em Capela, tinha doença neurológica crônica e morreu no Hospital Municipal Dr. José Vânio de Barros Morais, em Capela;
  • um homem de 76 anos morava em União dos Palmares, tinha hipertensão arterial e morreu no Hospital da Mulher (HM), em Maceió;
  • um homem de 90 anos morava em Piranhas, era diabético e morreu no Hospital Clodolfo Rodrigues, em Santana do Ipanema.

Flurona

Como se não bastasse, a convivência entre a Covid-19 e a gripe Influenza começou a gerar um terceiro problema: a chamada “Flurona”, a coinfecção pelos vírus causadores das duas doenças. O termo foi usado pela primeira vez após a confirmação de um caso em Israel.

Além de Alagoas, os registros de infecção simultânea aconteceram no Distrito Federal, Ceará, Rio Grande do Norte, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, Mato Grosso, Rondônia, Rio Grande do Sul, Sergipe e Minas Gerais.

veja também

Covid-19 | © Reprodução/R7
Coronavírus
Sesau confirma 15 casos de Covid-19 nesta terça (17)

A Secretaria de Saúde confirmou, através do Boletim Epidemiológico, mais 15 casos de Covid-19 em Alagoas.


Há 54 dias consecutivos, não há registros de novos casos da doença em União dos Palmares | © Itawi Albuquerque/Secom Maceió
União dos Palmares
União dos Palmares desobriga uso de máscaras em locais abertos e fechados

Há 54 dias consecutivos, não há registros de novos casos da doença no município.


O novo ponto de vacinação funcionará de segunda a sexta, das 8h às 16h | © Reprodução
União dos Palmares
Drive Thru de União será fechado nesta sexta (29) para mudança de local

O novo ponto de vacinação funcionará de segunda a sexta, das 8h às 16h.


Paciente em hospital fazendo uso de respirador | © GETTY IMAGES
Polícia
PF investiga suposta fraude na compra de respiradores pelo Consórcio NE

Operação deflagrada nesta terça-feira (26) cumpriu 14 mandados de busca e apreensão em três estados, além do Distrito Federal.


Ministro da Saúde Marcelo Queiroga | © Divulgação/Walterson Rosa/MS
Coronavírus
Covid: Queiroga assina portaria e oficializa fim da emergência sanitária no Brasil

A Espin foi decretada em fevereiro de 2020, antes mesmo de ser confirmado o primeiro caso da doença no Brasil.