publicidade
publicidade
Brasil

Mulher é presa após confessar ter dopado filho e jogado corpo em rio

Em depoimento à Polícia Civil, a genitora alegou que o menino era "teimoso, mal educado e que se negava a comer".

Publicado: | Atualizado em 02/08/2021 07:50


Mala onde corpo da criança foi colocado para ser transportado, segundo a polícia | © Alfredo Pereira / RBS TV
Mala onde corpo da criança foi colocado para ser transportado, segundo a polícia | © Alfredo Pereira / RBS TV

Uma jovem de 26 anos foi presa em flagrante, nesta sexta-feira (30/7), após confessar ter matado o próprio filho de apenas sete anos em Imbé, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. As investigações apontam que o menino vivia sob intensa tortura física e psicológica.

Segundo o delegado Antônio Carlos Ratcz, responsável pelas investigações, a mulher procurou a delegacia para registrar o desaparecimento do menino na noite de quinta-feira (29), mas acabou confessando ter dopado a criança e arremessado o corpo no Rio Tramandaí.

Em depoimento, ela detalhou como teria acontecido o crime. A mãe contou que dopou a criança com fluoxetina e depois colocou o corpo em uma mala na madrugada. Em seguida, saiu com a companheira da casa onde moravam, na área central de Imbé.

“Era uma mala de rodinhas. Ela saiu puxando e foi até o Rio Tramandaí, onde diz que retirou o corpo do menino e jogou na água. Ela não sabe se ele estava morto quando jogou. Nesse tempo todo de polícia, é uma das coisas mais horrendas que já vi”, afirmou o delegado.

Ainda durante depoimento, a mulher alegou que o menino era “teimoso, mal educado e que se negava a comer”. Disse ainda que decidiu registrar o caso como desaparecimento porque acreditou que assim o crime não seria descoberto. O garoto era o único filho dela.

O delegado Antônio Carlos também informou que, nesse primeiro momento, vai autuar apenas o flagrante da mãe, uma vez que percebeu indícios de que a companheira sofre de problemas mentais — a responsabilidade dela será apurada ao longo da investigação.

O Corpo de Bombeiros ainda realiza buscas pelo corpo da criança. Estão sendo utilizados jet skis, botes, lanchas e um drone para os locais de difícil acesso. Conforme a corporação, há bastante mata e vegetação costeira, que dificultam os trabalhos das equipes de resgate.

*Com informações de Agências
veja também

Itens à venda em leilão dos Correios | ↑ © Correios/Divulgação
Brasil
Correios: Objetos não entregues aos destinatários serão leiloados; veja valores

Serão leiloados cerca de 61 mil itens, entre peças de vestuário, microinformática, equipamentos eletrônicos, livros, entre outros.



Vacinação da categoria foi pauta da sessão temática do Senado nesta sexta-feira (14) — © Tânia Rêgo/Agência Brasil
Brasil
Adolescente morreu depois de tomar vacina contra a Covid-19

A ANVISA investiga se a morte do adolescente tem relação com a vacina


A vítima foi surpreendido por dois homens armados enquanto passava de carro pela avenida Hilton Souto Maior | © Reprodução
Polícia
Acusado de fraudar concursos, alagoano morto na PB pode ter sido vítima de queima de arquivo

José Marcelino dos Santos Filho, de 30 anos, foi surpreendido por dois homens armados, enquanto passava de carro pela avenida Hilton Souto Maior.


Heloisa Helena - @reprodução
Brasil
Heloisa Helena participará de Ato Internacional que pede o impeachment de Bolsonaro

De Alagoas, apenas Heloísa Helena marcará presença, representando a Rede.