Brasil

Jovem que arrancou coração da tia ataca detento em viatura

O fato aconteceu enquanto o acusado era transferido do Centro de Ressocialização de Sorriso (CRS) para uma penitenciária

Publicado: | Atualizado em 29/07/2019 21:10


Lumar Costa da Silva foi preso no dia 02 de julho, após ter matado a tia dele em Sorriso — © Reprodução
Lumar Costa da Silva foi preso no dia 02 de julho, após ter matado a tia dele em Sorriso — © Reprodução

Sinop — O jovem Lumar Costa da Silva, de 28 anos, que assassinou, arrancou e levou o coração da tia, Maria Zélia da Silva Cosmos, de 55 anos, para a filha da vítima tentou matar um outro presidiário, de 19 anos, enforcado, nessa quarta-feira (17).

O fato aconteceu enquanto o acusado era transferido do Centro de Ressocialização de Sorriso (CRS) para a penitenciária Dr. Osvaldo Florentino Leite Ferreira, em Sinop. A tentativa de homicídio foi descoberta porque um agente penitenciário ouviu gritos de socorro no camburão da viatura.

Graças a ação rápida do agente, que foi conferir o que estava acontecendo, Lumar não conseguiu concluir o ato. O motivo da desavença entre os dois não foi revelado.

A transferência do rapaz foi solicitada pela direção do CRS por questões de segurança. A decisão foi concedida por juízes da Execução Penal. Não há informações se o acusado ficará em um setor separado dos demais presos na penitenciária.

Assassinou, arrancou e levou o coração pra filha da vítima

Lumar Costa da Silva foi preso no dia 02 de julho, após ter matado a tia dele em Sorriso, em Mato Grosso, a 420 quilômetros de Cuiabá. De acordo com a polícia, ele arrancou o coração da mulher e entregou o órgão para a filha da vítima.

+ Homem em bicicleta morre após ser atropelado na BR-104, em Murici

O inquérito do crime já foi concluído pela Polícia Judiciária Civil (PJC). Segundo o delegado responsável pelo caso, André Ribeiro, o acusado poderá responder por até quatro crimes. Ele foi autuado em flagrante por homicídio qualificado, motivo fútil e emprego de meio cruel. Esta condenação pode render de 12 a 30 anos de prisão.

O assassino também poderá responder por dano qualificado, por invadir e tentar explodir um transformado de uma subestação de energia. Além de roubo, por obrigar a prima a entregar as chaves do veículo usado na fuga no dia da morte da tia e furto por ter subtraído R$ 800 dela.

“A pena pode chegar a 40, 50 anos de cadeia. Agora cabe ao Ministério Público analisar o inquérito. Se entenderem que está pronto para oferecer denúncia, será encaminhado ao Judiciário, caso contrário, se ficar entendido que faltam provas, volta para a delegacia e nós prosseguimos com as investigações”, disse o delegado.

*com informações de Meio Norte

Comentários


    Entre para nossos grupos

    Telegram
    Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
    WhatsApp
    Entre e receba as notícias do dia
    Entrar no Grupo


 
 
 
Especiais

Especial
Livro ensina técnica de leitura usada por Sherlock Holmes para expandir a memória

Aprenda a Melhorar sua Memória, Lendo até 10 Vezes Mais Rápido e Retendo Até 100% do Conteúdo


veja também

Barco encontrado com corpos - @Reprodução
Brasil
Barco com 20 corpos em decomposição é encontrado em rio no Pará

O Instituto Médico Legal (IML) e o Corpo de Bombeiros foram acionados para ajudar na identificação dos corpos e na investigação.


UPA - @Reprodução
Brasil
Médico é preso após masturbar paciente em UPA

Investigações preliminares revelaram que o médico já possuía antecedentes relacionados a condutas similares


Bandeira do Brasil | Foto: Marcos Corrêa/PR
Brasil
Brasil celebra o dia do Hino Nacional Brasileiro neste sábado

A história do hino remonta ao período imperial do Brasil, quando o país ainda era uma monarquia.


Policial após errar endereço - @Reprodução
Brasil
Policiais com mandado invadem casa errada e apontam arma para moradora

Em meio à confusão, os moradores questionaram os policiais sobre o nome do alvo do mandado. Ao ser revelado, rapidamente percebeu-se que se tratava de um erro de endereço.