Prefeito de Branquinha descumpre o próprio decreto e reúne 34 pessoas em sua casa

O prefeito se reuniu essa  semana com um grupo de apoiadores políticos, para tratar sobre as próximas eleições.

Publicado em: 03/04/20 às 11:54 | Atualizado em 04/04/2020 00:05
Por Redação


Prefeito de Branquinha com apoiadores

O prefeito Jairinho Maia (PP-AL), publicou recentemente um decreto municipal que proíbe aglomerações de pessoas entre outras medidas, como prevenção direta ao covid-19.

O decreto limita qualquer tipo de atividade que envolva aglomeração pelo período de dez dias, por exemplo, o funcionamento de bares, restaurantes, igrejas e templos religiosos. Maia explica que irá adotar medidas necessárias para fiscalização e penalidades aos infratores. Nas feiras livres, a prefeitura recomenda o distanciamento mínimo de dois metros entre cada bancada, proibição de feirantes de outros municípios e apenas o comércio do setor de gêneros alimentícios. Já os serviços essenciais, como supermercados, farmácias e locais que prestem serviços de saúde, irão funcionar normalmente para atendimento à população.

No entanto, o próprio prefeito se reuniu essa  semana com um grupo de apoiadores políticos, para tratar sobre as próximas eleições.

Em uma foto publicada num perfil do Instagram de um apoiador, e compartilhado no stories pessoal do prefeito, é possível ver 33 pessoas abraçadas, se apertando para sair na fotografia.

Além desses, se contarmos pelo menos mais uma pessoa que fez a fotografia, soma-se 34 pessoas na casa do prefeito.

Leia o que diz o comunicado oficial da prefeitura sobre decreto municipal:

“O prefeito Jairinho Maia decretou medidas preventivas, nesta segunda (23), para o enfrentamento do atual cenário epidemiológico com orientações aos cidadãos, órgãos e entidades da administração pública de Branquinha. Até o momento, em Alagoas, há sete casos confirmados e mais 85 pacientes suspeitos – que aguardam o resultado – infectados com a Covid-19, que é uma doença causada pelo novo Coronavírus. No texto, a prefeitura recomenda o isolamento social “por um período excepcional de surto” como uma medida de controle mais eficaz contra o avanço da doença.

O decreto limita qualquer tipo de atividade que envolva aglomeração pelo período de dez dias, por exemplo, o funcionamento de bares, restaurantes, igrejas e templos religiosos. Maia explica que irá adotar medidas necessárias para fiscalização e penalidades aos infratores. Nas feiras livres, a prefeitura recomenda o distanciamento mínimo de dois metros entre cada bancada, proibição de feirantes de outros municípios e apenas o comércio do setor de gêneros alimentícios. Já os serviços essenciais, como supermercados, farmácias e locais que prestem serviços de saúde, irão funcionar normalmente para atendimento à população.

Outros serviços também possuem a mesma liberação, são os casos de padarias, lojas de conveniência e postos de gasolina, mas “é expressamente proibido o consumo local, tanto de bebidas como de comidas. Qualquer tipo de conduta que contrarie o decreto será punida com aplicação de multa e o infrator, devidamente identificado, irá responder pelo crime de desobediência civil”. Para servidores de órgãos e entidades da Administração Pública Municipal, o expediente nos dias 23 a 27 de março será considerado como ponto facultativo presencial. “Essa medida é mais um avanço na história do município. A administração pública irá manter o funcionamento de nossa Branquinha a partir do teletrabalho, conhecido também por homeoffice, que agora é regulamentado pela instrução normativa expedida pela Secretaria Municipal de Administração e Gestão Pública”.


Adolescente de 17 anos é encontrada morta no Rio Ipanema, no Sertão de Alagoas

O corpo da vítima foi encontrado às margens do Rio Ipanema, no município de Batalha, Sertão de Alagoas

Há 4 horas atrás | Johny Lucena | BR104

JHC critica prejuízo de R$10 milhões na compra de respiradores em Alagoas

O governo de Alagoas foi vítima da ação criminosa de uma quadrilha que vendeu ao estado 50 respiradores e nunca entregou

Há 5 horas atrás | Redação

Jovem de 22 anos é preso por suspeita de tráfico de drogas na Gruta de Lourdes, em Maceió

Com o suspeito, foi encontrado uma pequena quantidade de maconha, após uma busca em sua residência a PM encontrou mais 1,7 kg do intorpecente

Há 5 horas atrás | Johny Lucena | BR104

Foragido do sistema prisional desde fevereiro de 2019, é detido por agentes da Gerit em Maceió

A operação que prendeu o foragido foi expedida pelo Juiz de Execuções Penais, José Braga Neto, e contou com o apoio da Gaeco

Há 6 horas atrás | Johny Lucena | BR104

Santana do Mundaú adota novos protocolos de atendimento nas Unidades de Saúde

Santana do Mundaú tem 12 casos confirmados de Covid-19

Há 6 horas atrás | Redação

Alagoas tem quase 500 mortes por Covid-19 e beira 11 mil casos

Um total 10.837 pessoas já foram infectadas pelo novo coronavírus em Alagoas

Há 17 horas atrás | Redação

Bombeiros retiram árvore que caiu na BR-104, entre União dos Palmares e Branquinha

Os militares sinalizaram a área e conseguiram remover a árvore e o barro que havia se espalhado na pista.

Há 19 horas atrás | Redação

Rio Mundaú atinge cota de alerta em União dos Palmares segundo CPRM

Segundo o boletim do Sistema de Alerta operado pela CPRM, o rio atingiu a cota de 3,09 metros em União dos Palmares e se aproximou da cota de inundação

Há 20 horas atrás | Redação

Alagoas é vitima do golpe do respirador e tem prejuízo de R$4 milhões

Alagoas esperava a chegada de 30 respiradores, que seriam essenciais para evitar que o estado entre em colapso na saúde

Há 22 horas atrás | Redação

Presidente do TJ/AL assina carta de apoio ao Supremo Tribunal Federal

O documento assinado pelo desembargador Tutmés Airan, foi enviado ao ministro Dias Toffoli, presidente do STF.

Há 23 horas atrás | Redação