Comparado a 2011, Alagoas registra redução de 51,85% de crimes violentos

De janeiro a maio deste ano, o número de homicídios caiu 23,5% em AL e 29,3% na capital, em relação ao mesmo período de 2018

Publicado em: 10/06/19 às 14:29

Por Micael Batista


Até maio, AL tem ano menos violento desde 2011; número caiu para 23,5% — © Agência Alagoas
Até maio, AL tem ano menos violento desde 2011; número caiu para 23,5% — © Agência Alagoas

Alagoas — Dados do Núcleo de Estatística e Análise Criminal (Neac) da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) mostram que o estado conseguiu reduzir, de janeiro a maio de 2019, os Crimes Violentos Letais e Intencionais em 51,85% comparado ao mesmo período de 2011, o ano mais violento da história recente de Alagoas.

De janeiro a maio deste ano, o número de homicídios caiu 23,5% em Alagoas e 29,3% na capital, Maceió, em relação ao mesmo período de 2018. Só no mês de maio deste ano, a redução foi de 16,8% em todo o estado, comparado com o ano passado, e de 16,7% na capital.

Nos cinco primeiros meses deste ano, o Estado registrou um acumulado de 528 homicídios, contra 1.047 ocorridos no mesmo período de 2011. Maceió segue a mesma tendência de queda, com 157 mortes este ano contra 422 de janeiro a maio de 2011, quase dois terços de redução na capital.

“Temos hoje a melhor estatística de segurança pública avaliada pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do país. Esses números expressam a sensação de segurança que o cidadão sente hoje, maior do que já foi no passado. É muito significativo, provavelmente a maior redução do país”, disse Renan Filho.

Em nove anos, este também foi o melhor maio no estado, com 104 mortes. No pior ano da série histórica de Alagoas, 2011, foram registrados 211 homicídios. Em Maceió, foram registrados 30 CVLI em maio de 2019, menos da metade dos 79 ocorridos em maio de 2011.

+ Suposto assalto a igreja evangélica termina com fiel assassinado

Na oportunidade, Renan Filho destacou ainda a redução da violência em Alagoas apontada pelo Atlas da Violência 2019, divulgado esta semana pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

“Nessa semana saiu o Atlas da Violência, que durante dez anos nos colocou como o estado mais violento do Brasil. Mesmo com aquela guerra de facções em 2017, naquele ano nós saímos do 2º lugar para o 7º lugar no ranking de violência no Brasil. Certamente quando for produzido o mapa de 2018 e 2019, nós vamos sair dos dez estados mais violentos do país”, declarou o governador.

Da Redação com Agência Alagoas

Em União dos Palmares, escola oferece cursos profissionalizantes.

C2 Educação Profissionalizante está abrindo matrículas para os cursos de Manutenção de iPhone e Smartphone, e para o curso de Designer de Sobrancelhas com aplicação de Henna.

Há 1 hora atrás | Redação

Fernando Collor nega ter “excluído” Muquém de lista de cestas básicas

Segundo uma nota enviada à redação do BR104, quem escolheu as comunidades quilombolas para receber as cestas básicas foi a Fundação Cultural Palmares

Há 5 horas atrás | Redação

Filme “Zumbi Quilombo dos Palmares” será gravado na Serra da Barriga

A segunda fase do filme sobre Zumbi dos Palmares será gravada no fim de julho, nos municipios de Atalaia e União dos Palmares

Há 6 horas atrás | Redação

Após denúncia de Caju, prefeitura de União retoma obra de creche que custou R$2 milhões

Com um custo de R$2 milhões, embora a Miramar Construtora LTDA seja a vencedora da licitação, a obra vem sendo tocada por uma empreiteira local.

Há 8 horas atrás | Redação

BR 416: Ministro confirma a JHC retomada para conclusão das obras

JHC já garantiu R$ 15 milhões para a obra que será́ um marco para a Zona da Mata.

Há 9 horas atrás | Redação

Fernando Collor exclui Muquém de entrega de cestas básicas por disputa política

O Muquém, no município de União dos Palmares, é o único quilombo remanescente de Palmares

Há 9 horas atrás | Redação

Rodrigo Cunha lamenta contágio de Covid-19 por Bolsonaro

Para Cunha, um presidente da republica testar positivo para a doença, revela apenas que o vírus não faz distinção de pessoas

Há 10 horas atrás | Redação

Educação de Santana do Mundaú entrega novos 2.117 kits de gêneros alimentícios

A secretária Daniele Márcia reforça que apesar do delicado período, tanto as equipes da educação, quanto pais e alunos, estão tentando se adequar ao "novo normal".

Há 11 horas atrás | Redação

Congresso “Não perca a Alegria” será online e gratuito, divulgam Testemunhas de Jeová

Veja onde e como assistir ao programa que contará com entrevistas e a exibição de um filme sobre Neemias

Há 11 horas atrás | Redação

Eleições 2020: Pré-candidato a prefeito da Laje recebe apoio de Inácio Loiola

Deputado elogia postura política e projetos de Flávio Catão para São José da Laje

Há 11 horas atrás | Redação